Siga o Tricolor nas Redes

Maria dá moral ao time: “Seguir firme”

O Joinville esteve muito próximo de engatar a quarta vitória seguida. Depois de termina a etapa inicial atrás no placar, fez um segundo tempo irretocável e chegou a virar o marcador. No entanto, sofreu o empate do Metropolitano no finzinho do confronto. Para o técnico Hemerson Maria, há amargura pelo resultado que escapou por muito pouco. Porém, na entrevista coletiva, o comandante do JEC informou que deixava o João Marcatto satisfeito com o desempenho da equipe, que dá moral para a sequência no Campeonato Catarinense. No sábado, o Tricolor enfrenta o Avaí, às 18h30, na Ressacada.
Leia trechos da entrevista ou ouça a íntegra em áudio (clique aqui).
IMG_1391
“Quero parabenizar a torcida que veio ao estádio, parecia que estávamos jogando em casa. Mais do que o torcedor que veio ou o que ficou, nós gostaríamos de sair vitoriosos. Essa vitória, em termos de moral seria fundamental para o jogo seguinte, em Florianópolis. Mas o gol sofrido não será um fator que vai nos fazer baixar autoestima. Se não erramos em detalhes, vamos seguir forte, na luta e em busca de uma vaga na final. Vamos seguir firmes”.
“Nosso segundo tempo foi muito bom, talvez tenha sido os melhores 45 minutos que fizemos no campeonato. Dominamos as ações, tivemos tranquilidade, teve chute, penetração, circulamos a bola. Falo que temos de manter a concentração até o final e tivemos um momento de distração. Em um momento em que nossa defesa estava desguarnecida tomamos o gol. Teve o gosto amargo, mas fico contente porque houve evolução, a equipe jogou um grande futebol, principalmente no segundo tempo. Temos que continuar evoluindo, se fizermos jogos semelhantes a esse, teremos bom ano pela frente e lutaremos por algo melhor”.
“Estou contente e feliz por terem dado certo as entradas do Felipe Alves e do Ítalo. Se não fosse assim, seríamos cobrados por elas. É convicção de treinador, como foi a entrada do Diones, para guarnecer um pouco mais, manter a postura firme e tomamos o gol. Faz parte e não me arrependo de nada. Mas fico contente por os atletas mereciam este momento. Tínhamos que arriscas e fizemos alterações para buscar o resultado, as mudanças deram certo”.

Compartilhe a Matéria
Rolar para cima