Siga o Tricolor nas Redes

JEC lança o manifesto de reposicionamento de marca #jogajunto

O Joinville Esporte Clube lançou nesta segunda-feira, dia 2, o manifesto #jogajunto. Construído a partir de entrevistas com torcedores do clube, a ação tem como objetivo reposicionar a marca do JEC perante a sociedade e o mercado, além de nortear o futuro da instituição.

“Um manifesto de marca é uma declaração pública de intenções, motivações e visões”, informou o presidente Darthanhan Oliveira. “Através do manifesto, o JEC declara publicamente suas crenças, suas causas e seus pontos de vista. Declara a sua essência enquanto organização, buscando atrair mais pessoas para seu universo”, acrescentou.

Conduzidas por Marcos Sebben, diretor de inovação do clube, as entrevistas convergiram para três pilares, que sustentam o manifesto e norteiam o futuro do tricolor. São eles a união, a superação e a inovação.

“Em se falando de união, somos unidos por nossas cores, nossa cidade e nossas memórias”, relatou Sebben. “Falando em superação, acreditamos na inteligência, no trabalho duro e na organização para superar os desafios”, acrescentou. “Por fim, na inovação, estamos atentos e em movimento para aperfeiçoar nossas práticas e construir um futuro melhor”, concluiu.

O manifesto será trabalhado durante todo o ano de 2023, através de uma série de ações. A primeira delas foi a divulgação do documento para todos os colaboradores e atletas do clube, que receberam o manifesto em forma de carta, diretamente das mãos dos diretores. Assim, buscou-se engajar todos em torno do mesmo objetivo, obtendo o comprometimento e espalhando a mensagem de dentro para fora da instituição.

O segundo passo foi a liberação do vídeo de apresentação e da landing page (www.jec.com.br/jogajunto), que informa as maneiras de apoio ao Joinville no momento. Porém, o manifesto se trata de uma ação muito ampla, de reposicionamento mercadológico, que buscará apoio em diversos setores da sociedade a partir dos próximos dias, chamando todos para jogar junto com o JEC.

Texto: Henrique Porto | JEC
Fotos: Gustavo Mejía | JEC

Compartilhe a Matéria
Rolar para cima